Notícia

Operação Dia dos Namorados da Codecon segue até esta quarta (12)

Operação Dia dos Namorados da Codecon segue até esta quarta (12)

A Diretoria de Ações de Proteção e Defesa do Consumidor (Codecon), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), segue com a Operação do Dia dos Namorados em Salvador até esta quarta-feira (12). Até o momento, já foram vistoriados 64 estabelecimentos, sendo quatro deles notificados por irregularidades como ausências de informação de validade, ausência de informação de preço, falta de higiene e inadequação da lixeira. O objetivo da ação é fiscalizar as condições de ofertas e identificar práticas abusivas de hotéis, lojas, floriculturas, sex shops, dentre outros estabelecimentos de diversos bairros de Salvador nos segmentos mais procurados neste período.

Os agentes realizam um trabalho preventivo, verificando a presença do Código de Defesa do Consumidor (CDC), dos avisos sobre álcool para crianças, tabela de preços, informações sobre formas de pagamento aceitas, presença de gerador e extintor, alvarás, validade dos produtos, cumprimento de ofertas, condições higiênicas do local e dos alimentos armazenados, além de outros aspectos conforme as normas do CDC.

A diretora-geral da Codecon, Talita Vilarinho, explica que se a irregularidade encontrada for a primeira ocorrência e a infração considerada leve, o estabelecimento é notificado e tem o prazo de dez dias para fazer a regularização. Se o problema persistir ou a infração for recorrente ou grave, o estabelecimento é autuado e, posteriormente, uma multa é aplicada, podendo variar de R$900 a R$9 milhões.

A gestora também destaca a importância da população para o trabalho da Codecon e dá algumas orientações para os compradores. “Os consumidores atuam como fiscais dos seus próprios direitos. Recomendamos sempre verificar a política de troca da loja antes de comprar, certificando-se sobre os prazos e condições de trocas e devoluções, e comparar preços em diferentes lojas, pois assim o consumidor consegue encontrar a melhor oferta”, aconselha.

Denúncia – O consumidor que identificar uma prática abusiva pode acionar a Codecon através do site codecon.salvador.ba.gov.br, do Fala Salvador 156, do aplicativo Codecon Mobile ou comparecer presencialmente de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, à sede do órgão, na Rua Chile, 3, Centro.

Dica

Planos de saúde: uma preocupação para o futuro

Planos de saúde: uma preocupação para o futuro

Ter ou não ter plano de saúde? Esse é um questionamento que pode ser constante na vida dos brasileiros, já que nem sempre os benefícios oferecidos são efetivamente ofertados quando mais se precisa desse tipo de assistência. Para não cair em armadilha e saber diferenciar os tipos de planos, consultamos o advogado especialista em Defesa do Consumidor, Taciano Mattos (@tacianomattos), para dar algumas dicas sobre o serviço. Confira abaixo:

Artigo

Taxas bancárias e o Direito do Consumidor

Taxas bancárias e o Direito do Consumidor

Você certamente possui conta em alguma agência bancária. Certamente, também, já deve ter sido tarifado indevidamente, mesmo pensando que o serviço oferecido era gratuito, a exemplo das taxas cobradas pela poupança. Mas, não era para poupar? Pois bem, nem sempre o que está previsto nos contratos atendem às regras previstas pelo Código de Defesa do Consumidor. O advogado, especialista na área, Cândido Sá, dá suas recomendações sobre o que a lei salvaguarda ou não, quando o assunto é serviço bancário. Confira artigo sobre o assunto, logo abaixo:

Enquete

Você pretende tomar a vacina contra a covid-19?


Ver resultado

Vídeos

Rachel Botsman

Autora do livro "O Que é Meu é Seu - Como o Consumo Colaborativo Vai Mudar o Nosso Mundo", Rachel Botsman diz que estamos conectados para compartilhar. Em 15 minutos, ela tenta te convencer que o consumo colaborativo é o caminho.