Notícia

Crianças e jovens podem se inscrever para oficinas de performance on-line

Crianças e jovens podem se inscrever para oficinas de performance on-line

Até o dia 29 de janeiro, estão abertas as inscrições gratuitas para as oficinas on-line de performance infantojuvenil, a serem realizadas através da plataforma Zoom, com tradutor intérprete de Libras. A iniciativa é apoiada pela a Prefeitura, por meio da Fundação Gregório de Mattos (FGM), através da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, com o objetivo de estimular a arte-educação, tecnologia e acessibilidade.

Com o tema Escrevivências de Memória e Identidade, serão ofertadas, no total, 100 vagas para as oficinas de teatro, dança, música, escrita criativa e identidade. As atividades são voltadas a crianças e jovens entre 10 e 14 anos, principalmente das instituições públicas e periféricas de Salvador, surdas e ouvintes.

As inscrições devem ser feitas pelo formulário https:// docs. google. com/ forms/d/ 1oUGgMURSbHT1RsadF3yXQHQoSX7lfHO0etr4tnG_x4E/ viewform? edit_requested=true. Para a efetivação da inscrição, será necessária a autorização de um responsável legal.

As oficinas acontecerão a partir do dia 1° de fevereiro até o dia 31 de março de 2021, sempre às segundas e quartas-feiras, das 16h às 18h. Além da plataforma Zoom, estão previstas para ocorrer atividades de ocupação nas plataformas do Instagram com lives e posts, e no YouTube com contação de histórias, tendo como eixo central memória e identidade.

"A partir da integração do teatro, dança, música, literatura, museologia, tecnologia e acessibilidade, objetivamos a sensibilização de cada participante ao mergulho de uma experiência no pensar, problematizar e desenvolver suas identidades. Ou seja, desenvolver uma conexão, sobretudo, com o passado, de forma lúcida e conectada com o tempo", explica Cell Dantas, assistente de produção e mediador da oficina de música.

 

Entrevista

Uma nova forma de consumir

Uma nova forma de consumir

O consumo colaborativo pode mudar o sistema de produção e economia globais? Para a pesquisadora Ana Cirne Paes de Barros, o mais provável é que as práticas hegemônicas continuem a existir, mas novas formas de consumo se espalhem de forma independente, proporcionando maior autonomia aos consumidores. 

Artigo

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

No Natal de 2016 os baianos receberam um belo presente da concessionária Via Bahia, que administra rodovias federais no estado: o aumento do pedágio em 21,6% na BR-116 e 16% na BR-324. Os reajustes foram autorizados pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Vídeos

Rachel Botsman

Autora do livro "O Que é Meu é Seu - Como o Consumo Colaborativo Vai Mudar o Nosso Mundo", Rachel Botsman diz que estamos conectados para compartilhar. Em 15 minutos, ela tenta te convencer que o consumo colaborativo é o caminho.



Enquete

Você é a favor da legalização dos jogos de azar?


Ver resultado

Se ligue