Notícia

Procon-BA celebra 29 anos do Código de Defesa do Consumidor

Procon-BA celebra 29 anos do Código de Defesa do Consumidor

Nessa quarta-feira (11), o Código de Defesa do Consumidor – CDC (Lei nº 8.078/90) completa 29 anos de atuação em prol da garantia dos direitos dos consumidores no Brasil. Para celebrar a data, o Procon-BA promoverá o evento: 29 anos do Código de Defesa do Consumidor: Conquistas e Desafios, das 8h às 12h, no Salão Nobre do Palácio Rio Branco, em Salvador.

 

O evento, aberto ao público, inclui três palestras: 'As Conquistas do Código de Defesa do Consumidor', ministrada pela professora doutora Teila Rocha, mestre em Relações Sociais e Novos Direitos pela Universidade Federal da Bahia (Ufba); 'Os desafios do Direito do Consumidor', conduzida pela professora doutora Patrícia Godoi, mestre em Direitos Difusos pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC); e, por fim, a palestra 'O Direito do Consumidor e sua Relação com o Judiciário', apresentada pela doutora Fabiana Pellegrino, mestre em Direito Público pela Ufba e juíza da 2ª Vara de Defesa do Consumidor dos Juizados Especiais de Salvador.

 

As inscrições podem ser feitas através do e-mail procon.inscricao@sjdhds.ba.gov.br ou pelos telefones (71) 3116-8545 ou 3116-8548. A previsão é reunir em torno de 300 participantes, dentre eles consumidores, fornecedores, autoridades dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, defensorias públicas, Ministério Público, estudantes e profissionais do ramo de Direito, que terão direito a certificado de quatro horas para fins de integração curricular.

 

Confira a programação:

 

7h30 - Credenciamento;

8h - Cerimônia de abertura com a Orquestra do Neojiba e execução do Hino ao Dois de Julho;

8h20 - Abertura e composição da mesa;

9h - Palestra 'As Conquistas do Código de Defesa do Consumidor'. Dra. Teila Rocha. Mestre em Relações Sociais e Novos Direitos pela Ufba. Professora de Direito Civil e do Consumidor;

9h30 - Palestra 'Os Desafios do Direito do Consumidor'. Dra. Patrícia Godoi. Mestre em Direitos Difusos pela PUC/SP. Especialista em Direito Médico Hospitalar pela Ucsal. Professora de Direito do Consumidor;

10h - Coffee Break;

10h30 - Palestra 'O Direito do Consumidor e sua Relação com o Judiciário'. Dra. Fabiana Pellegrino. Mestre em Direito Público pela UFBA. Juíza da 2ª Vara de Defesa do Consumidor dos Juizados Especiais de Salvador. Coordenadora do Núcleo de Direito do Consumidor da Escola de Magistrados da Bahia (EMAB). Membro do Conselho Fiscal do Instituto Brasileiro de Política e Direito do Consumidor (BRASILCON);

11h30 - Cerimônia de encerramento com a Orquestra de Berimbaus Mangangá.

 

Entrevista

Uma nova forma de consumir

Uma nova forma de consumir

O consumo colaborativo pode mudar o sistema de produção e economia globais? Para a pesquisadora Ana Cirne Paes de Barros, o mais provável é que as práticas hegemônicas continuem a existir, mas novas formas de consumo se espalhem de forma independente, proporcionando maior autonomia aos consumidores. 

Artigo

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

No Natal de 2016 os baianos receberam um belo presente da concessionária Via Bahia, que administra rodovias federais no estado: o aumento do pedágio em 21,6% na BR-116 e 16% na BR-324. Os reajustes foram autorizados pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Vídeos

Rachel Botsman

Autora do livro "O Que é Meu é Seu - Como o Consumo Colaborativo Vai Mudar o Nosso Mundo", Rachel Botsman diz que estamos conectados para compartilhar. Em 15 minutos, ela tenta te convencer que o consumo colaborativo é o caminho.



Enquete

Você é a favor da legalização dos jogos de azar?


Ver resultado

Se ligue

Sua conta veio alta? Confira o que pode vampirizar sua energia

Sua conta veio alta? Confira o que pode vampirizar sua energia

Chuveiro na posição "inverno" consome 30% mais. Banhos mais curtos ajudam a economizar até 40%. Geladeira em má condição consome até 70% da conta do mês. Em casa ou no escritório, tire os aparelhos eletrônicos da tomada quando estão fora de uso, principalmente televisão, aparelhos de DVD/Blue-Ray e de som.