Notícia

Pesquisa mostra perfil do turista que visitou Salvador no Carnaval

Pesquisa mostra perfil do turista que visitou Salvador no Carnaval

Uma pesquisa realizada pela Secretaria do Turismo da Bahia (Setur) durante o Carnaval  2019 traça o perfil dos turistas que visitaram Salvador nesse período. Além de compor um diagnóstico completo do impacto econômico da festa, beneficiando diversos segmentos da cadeia produtiva e com efeito direto na taxa de ocupação hoteleira.

A faixa média de idade dos turistas que vieram a Salvador no Carnaval foi de 35 anos, sendo 52,7% dos entrevistados do gênero masculino e 47,3% do feminino. A renda média desses visitantes é de R$ 6.449, com gasto médio no Carnaval de R$ 3.537. 

 

Outro dado relevante é que a média de permanência desses turistas na capital foi de seis pernoites, ou seja, quase uma semana de estada na cidade. Em relação aos meios de hospedagem utilizados, 40,4% dos entrevistados hospedaram-se em hotel, seguidos de 32,1% que ficaram em casa de parentes ou amigos. 

 

“Com esses dados, podemos estabelecer novas estratégias para incrementar o número de turistas que nos visitam, a exemplo de ações promocionais junto a mercados emissores nacionais e internacionais”, afirma o subsecretário estadual do Turismo, Benedito Braga. Ele destaca, entre outros, o dado sobre o gasto médio do turista no Carnaval, que revela “um poder de consumo significativo para o incremento da economia”. 

 

Realizada de 2 a 7 de março, por 13 profissionais, junto a 1.112 turistas, a Pesquisa de Caracterização do Turismo Receptivo e Avaliação de Serviços apontou que 89,2% dos entrevistados eram brasileiros, enquanto 10,8% eram estrangeiros. Desses últimos, os argentinos representaram 30% do total, enquanto os franceses responderam por 10% e os norte-americanos por 7,5%.

 

Avaliações

 

Entre os entrevistados, 16,3% utilizaram um Posto de Informações Turísticas ou o Serviço de Atendimento ao Turista (SAT), disponibilizado pelo Governo do Estado. No geral, os serviços dos postos e SAT foram bem avaliados: mais de 90% dos turistas consideraram o atendimento  como muito bom ou bom. Já o atendimento do serviço de Guias e Monitores, da Setur, foi utilizado por 9,5% dos entrevistados e obteve aprovação de 94%.

 

No quesito transportes, o metrô foi utilizado por 17,6% dos entrevistados e obteve avaliação positiva de mais de 90% deles. 

 

Os itens mais bem avaliados foram os camarotes (com aprovação de 93,8% dos pesquisados) e a hospitalidade do povo baiano (citada por 93,1% dos entrevistados). A segurança pública também teve destaque, com excelente avaliação – 50% consideraram muito bom e 32%, bom. Além disso, o resultado demonstrou a aprovação do Carnaval de Salvador pelos turistas e a intenção de retorno em edições futuras.

 

Pontos da pesquisa 

 

As entrevistas foram realizadas nos principais portões de Salvador – aeroporto e terminal rodoviário – e nos circuitos do Carnaval – Dodô, Osmar e Batatinha. As pessoas entrevistadas estavam com permanência mínima de 24 horas na cidade.

 

Segundo a diretora de Planejamento Turístico da Setur, Giulliana Brito, a realização desta pesquisa durante um evento de grande porte como o Carnaval de Salvador subsidiará ações estratégicas com vistas ao fortalecimento da atividade turística e aprimoramento dos serviços. “É uma festa que atrai turistas de todos os continentes à cidade, contribuindo significativamente para a economia do estado”, destacou.

 

Os pesquisadores utilizaram técnica com viés quantitativo, com formulários em três idiomas (português, inglês e espanhol) e questões fechadas e abertas.

 

Entrevista

Uma nova forma de consumir

Uma nova forma de consumir

O consumo colaborativo pode mudar o sistema de produção e economia globais? Para a pesquisadora Ana Cirne Paes de Barros, o mais provável é que as práticas hegemônicas continuem a existir, mas novas formas de consumo se espalhem de forma independente, proporcionando maior autonomia aos consumidores. 

Artigo

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

No Natal de 2016 os baianos receberam um belo presente da concessionária Via Bahia, que administra rodovias federais no estado: o aumento do pedágio em 21,6% na BR-116 e 16% na BR-324. Os reajustes foram autorizados pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Vídeos

Rachel Botsman

Autora do livro "O Que é Meu é Seu - Como o Consumo Colaborativo Vai Mudar o Nosso Mundo", Rachel Botsman diz que estamos conectados para compartilhar. Em 15 minutos, ela tenta te convencer que o consumo colaborativo é o caminho.



Enquete

Você é a favor da legalização dos jogos de azar?


Ver resultado

Se ligue

Sua conta veio alta? Confira o que pode vampirizar sua energia

Sua conta veio alta? Confira o que pode vampirizar sua energia

Chuveiro na posição "inverno" consome 30% mais. Banhos mais curtos ajudam a economizar até 40%. Geladeira em má condição consome até 70% da conta do mês. Em casa ou no escritório, tire os aparelhos eletrônicos da tomada quando estão fora de uso, principalmente televisão, aparelhos de DVD/Blue-Ray e de som.